Siga-me por email

sábado, 26 de fevereiro de 2011

Soluções inteligentes com modelo de negócio incorporado

Sempre costumo dizer que a TI não deve existir pela TI (assim como outras disciplinas tecnológicas)
De fato, a TI deve estar sempre a serviço de um propósito do cliente envolvida como uma solução de um modelo de negócio estabelecido.

Ou seja, um produto inovador de  TI não é muita coisa se com ele não estiver sido estabelecido um modelo de negócio e um propósito de uso bem determinado. Em contrapartida, as vezes, um produto antigo, com um novo modelo de negócio e com propósito bem estabelecido para solucionar problemas novos pode gerar bons frutos.

Este é o caso da "Vending Machine que Recicla". Uma dupla de empresários brasileiros importou a idéia da Noruega. O produto de TI em questão, a Vending Machine, nem é algo tão novo, na verdade, o produto é bastante antigo. Contudo, uma nova oportunidade de uso surgiu quando o Brasil, por exemplo, institui a Política Nacional de Resíduos Sólidos que obriga certos setores da indústria a recolher os resíduos dos produtos produzidos por elas.


A máquina recolhe os produtos, reconhece o fabricante, gera um recibo para o depositário e um relatório para os fabricantes.


Vejam que interessante, tudo o que a máquina usa tecnologias já estabelecidas no mercado, mas o modelo de negócio utilizado para estas tecnologias é totalmente novo e é ai que mora a inovação.


Vejam a reportagem aqui.


Eu tomei conhecimento desta reportagem por meio do twitter do Ricardo Vargas (@rvvargas)

1 comentários:

  1. Prof. Marcos, essas iniciativas além de lucrativas, possibilitarão a criação de uma cultura ambiental mais intensa, efetiva. Excelente matéria.

    ResponderExcluir